Compra de carro no Canadá

por | set 26, 2018 | Compras

Vir para o Canadá é uma das decisões mais importantes, se não a mais importante na vida de uma pessoa. Juntamente com esta decisão, geralmente vem um planejamento que tem como prioridade número 1 a economia e o direcionamento dos investimentos naquilo que é mais importante durante este processo.

Em geral, a compra de um veículo não está nos Top 5 das coisas que você precisa fazer assim que chega aqui, salvo alguns casos nos quais as pessoas precisam de um veículo para poder trabalhar. Tenho certeza de que este post ajudará as pessoas a terem uma base quando chegar o momento de adquirir o primeiro veículo em terras canadenses.

Precisa de carro em Toronto?

Vai depender do seu estilo de vida e rotina. O transporte público tem uma malha extensa e, apesar de ter seus defeitos, supre as necessidades da cidade hoje. Também é possível alugar facilmente um carro ou até utilizar alguns serviços de Car Share como Enterprise Car Share, Maven e Zipcar, onde você tem acesso a carros em pontos localizados na cidade e paga por hora se quiser, por exemplo.

O carro próprio serve muito mais como uma ferramenta utilizada para conforto e otimização de tempo, mas tudo vai depender de onde você mora, trabalha, estuda, etc. É importante lembrar que o carro também pode ser uma fonte de renda através do Uber, Lyft e afins. É preciso colocar tudo numa balança e ver se vale à pena para você.

Exemplos práticos:

Vou criar alguns personagens pra ilustrar que a compra do carro depende muito do perfil de cada um, pra que vocês consigam tirar suas próprias conclusões.

João e Maria

João mora próximo à linha amarela do metrô, trabalha próximo à Union Station e sua esposa Maria estuda num college em Toronto de fácil acesso ao TTC. Os dois juntos gastam em torno de $ 260 com metropass e uns $ 100 com viagens esporádicas de Uber e/ou aluguel de um carro.

Mário e Joana

Joana mora em uma área mais afastada de uma estação de metrô na linha roxa mas próxima a uma highway, trabalha em Oakville e seu marido Mário estuda próximo de uma estação. Joana precisa comprar um metropass e utilizar o Go Train diariamente, leva em torno de 2h para chegar no trabalho e gasta, além do passe mensal, cerca de $ 250,00 por mês no serviço complementar. De carro, o trajeto para o trabalho seria reduzido para 30 minutos e seu trabalho conta com estacionamento coberto gratuito.

O que quero dizer é: algumas vezes é mais vantajoso ter um carro, outras vezes nem tanto.

Todos sabem das vantagens de ter um carro, vamos falar de desvantagens?

Custos atrelados à compra de um carro

via GIPHY

É inegável que os preços e condições para se comprar um carro aqui são tentadores, mas será que o cálculo parcela + seguro é sufuciente?

Após o processo para tirar a carteira canadense, caso deseje adquirir um carro, existem alguns custos extras que devem ser adicionados na sua planilha e irei pontuar abaixo. Você pode também conferir uma matéria do Global News sobre o custo anual de um carro.

  • Manutenção preventiva
  • Trocas de óleo a cada 5 ou 10 mil km
  • Estacionamento (seja na rua ou no trabalho/college)
  • Kit inverno: Pneus de neve, pá, escova de limpar neve e gelo, tapetes, líquido anti-congelante
  • Pedágios
  • Manutenção pós inverno, para garantir a integridade do veículo por mais tempo
  • Imprevistos como trincar um parabrisa, acabar a bateria, levar uma multa (vivenciei todos. Risos)

Desvantagens do carro no inverno

É inegável que o carro facilita muita coisa por aqui no inverno, porém num país onde o inverno é rigoroso, alguns fatores precisam ser levados em consideração e que não pensamos muito antes da compra.

  • Acordar mais cedo para tirar neve do carro e da driveway (caso não tenha estacionamento coberto ou não seja um serviço incluído)
  • Aumento no risco de colisões e derrapagens
  • Tirar a neve do carro ao sair do trabalho
  • Tirar a neve do carro quando for num restaurante
  • Congelar a mão ao tirar a neve do carro
  • Perder um dedo quando for abastecer o carro
  • Necrosar levemente seus dedos quando for preciso trocar um pneu furado

Expectativa:

via GIPHY

Realidade:

via GIPHY

Nessas horas, a praticidade de um metrô fala mais alto, né? Mas é o preço que se paga por um pouco mais de conforto. Se, para você, nenhuma das desvantagens  te desanimou, vamos para a próxima etapa.

Qual carro comprar?

As opções disponíveis para adquirir um carro por aqui são inúmeras, irei listar brevemente as mais utilizadas. Para algumas pessoas, é importante que o carro seja novo, com uma garantia de pelo menos 3 anos, para outras a escolha do seminovo é mais interessante por não sofrer com a desvalorização inicial do veículo, há quem não ligue muito para nenhuma das duas coisas e prefira pagar barato num carro um pouco mais rodado. Again, tudo depende do seu perfil.

Carro novo

Tem coisa mais emocionante que sentir cheirinho de carro novo? Poder escolher a cor, os opcionais, montar o carro todo do seu jeitinho?

Na compra do carro novo existem basicamente 3 opções: comprar à vista, financiar com ou sem entrada, e fazer o leasing.

A compra à vista dispensa explicações, já o financiamento segue mais ou menos a mesma lógica do Brasil. Quanto maior a entrada e mais longo o contrato, menor a parcela. Rian, e se não tiver entrada? Dá pra comprar sim minha gente, só vai depender do seu financiamento ser aprovado ou não pelo banco (aqui entra seu tão temido histórico de crédito).

Leasing

Na opção do Leasing, você paga uma parcela um pouco mais baixa do que a do financiamento e faz um contrato, que pode variar a quantidade de anos (2 ou 5, por exemplo). Após o tempo contratado, você poderá retornar seu carro e fazer um novo leasing num outro carro da mesma marca, ou você pode pagar a parcela  residual do carro e ficar com ele (algo parecido como as parcelas balão do Brasil).

Uma das principais desvantagens (na minha opinião) desta modalidade é a limitação de uso do carro que normalmente pode ser escolhida entre 16.000 e 24.000 km/ano. Caso no final do contrato você tenha rodado mais, paga-se uma taxa por km rodado (algo entre 10 a 15 centavos por km).

Uma coisa importante de ser falada é sobre a devolução do carro ao final do contrato. É preciso devolver o veículo em “perfeitas” condições. Caso tenha algum arranhão, amassado, tecido rasgado, é preciso consertar antes de devolver. Até o pneu é preciso em alguns casos.

As marcas oferecem um “seguro” à parte para cobrir esta depreciação. Você paga um valor X na contratação e não precisa se preocupar com este tipo de problemas. O conserto de algumas coisas no carro podem alcançar facilmente 2, 3 mil dólares e o valor deste seguro (que pode ser incluído na parcela) gira em torno de $ 1200 a $ 1600 dólares baseado em amigos que fizeram leasing de  carros na Nissan, Hyundai e Honda. Este seguro geralmente cobre danos até 7, 8 mil dólares, então é uma boa vantagem.

Carro Seminovo

Para não cair em cilada é preciso muita pesquisa. Sabe aqueles carros de pessoas que fizeram Leasing? Eles vão aparecer de volta no mercado aqui, então a variedade de modelos com 2, 3 anos de uso e baixa km é grande. Existem diversos sites de pesquisa, porém vou deixar o autoTrader aqui como exemplo.

O que é mais interessante na compra do seminovo é poder comprar um carro um pouco melhor com o mesmo dinheiro de um básico. Vou comparar aqui o exemplo de um Toyota Corolla 0km (modelo automático), que hoje está custando 20.255 CAD (sem taxas). É um excelente preço pra um carro que no Brasil custa a partir de R$ 90.990 porém com o mesmo valor do modelo básico, é possível comprar uma Mercedes com pouco mais de 3 anos de uso e muito mais opcionais. Lógico que vai de cada um o modelo que agrade mais, mas só quis fazer uma breve comparação.

Uma das maiores desvantagens, porém, é a manutenção, pois dependendo da quilometragem, está na hora de trocar peças importantes (e caras) como freios, suspensão, pneus, correias, que um carro novo não precisaria.

A dica de ouro que eu dou é sempre exigir o Carproof do carro. Que djabo de Carproof é esse? Carproof é um registro de tudo que já aconteceu com aquele carro. Seja manutenção em autorizada, roubo, colisões e por aí vai. É uma ferramenta incrível que dá muito mais segurança pra quem está comprando. Você pode ver um exemplo do relatório aqui.

Resumindo, preços competitivos por mais opcionais no carro, menor desvalorização na revenda porém um gasto maior com manutenção/conservação e a impossibilidade de montar um carro do seu jeitinho. Não podemos esquecer que o financiamento de um carro usado tem taxas muito mais altas que as do carro novo (em torno de 5% a 7%), e carros com mais tempo de uso também não são fáceis de se conseguir um financiamento maior ou sem entrada.

Carro mais antigo

O budget tá curto, mas mesmo assim você precisa/quer/deseja/almeja comprar um carro. Que tal um Audi por 1.500 CAD? A tentação é grande, mas é preciso levar em consideração que esta categoria de carros geralmente é bem mais rodada, o que significa que os gastos com manutenção podem ser altos dependendo do estado do carro, sem contar que em alguns casos o seguro (que aqui é obrigatório) muitas vezes ficam mais caros que o carro em si.

Entender um pouco de mecânica nesse caso ajuda bastante, mas é preciso verificar como funciona a distribuição de peças para o modelo que você deseja comprar para que você não acabe comprando um carro que corra o risco de ficar parado por falta de peças.

Aqui conta muito o quanto você entende de carros e de como escolhê-los (pois aqui não tem o Zezinho da oficina da esquina que você levava seu carro quando dava problema) e de um pouco de sorte também. Existem pessoas que pagam menos de 1000 dólares num carro que nunca deu problema, ou de outras que gastam uma fortuna só para poder regularizar o carro para poder utilizá-lo.

Seguro obrigatório e gastos extras

Em relação ao seguro obrigatório do carro contra sinistros e terceiros, pode variar muito dependendo de onde você mora, idade, marca do carro, opcionais, então vale fazer algumas cotações antes de decidir qual carro escolher. Carros com mais recursos de segurança, como tração das 4 rodas, controle de tração ou blind spod sensor, podem baixar o valor do seguro.

A dica que eu dou é sempre simular. De repente o combo parcela + seguro de um carro mais completo é o mesmo de um carro mais básico. Procure saber o que a sua apólice inclui para que você não seja surpreendido com gastos extras. Eles eventualmente vão aparecer, mas isto eu vou deixar pra contar numa próxima oportunidade. Se me permitirem voltar aqui, né?

via GIPHY

Leia Também

Apresentação: Vem Canadá! Bem-vindo ao Vem Canadá! Então, conheça a gente e saiba o que a gente pretende com nosso canal do YouTube e blog.
Marcas baratas nos mercados canadenses Pra não ficar perdido quando chegar num mercado canadense, saiba quais são as marcas mais baratas e onde encontrá-las! Tem que economizar!
Dia de Churrasco: Sol, Picanha e Guaraná Com o verão chegando, a temporada de churrasco está aberta! E churrasco aqui tem de tudo: picanha, farofa, guaraná, sol e música brasileira!
Onde comprar fantasias de Halloween em Toronto Mesmo de última hora, dá pra encontrar ótimas opções de fantasias pro Halloween em lojas físicas e online em Toronto. Veja as dicas.

Comentários

Siga o Vem Canadá

Facebook

Pra ajudar nas economias

Meliuz

Ebates

Booking.com

Ganhe desconto no Airbnb